Slick MC, de Guarujá, destaca evolução musical em seu álbum Renascimento

Voando Alto foi o primeiro lançamento do álbum Renascimento do rapper Slick MC, que atualmente mora no bairro Pouca Farinha, em Guarujá. A faixa tem parceria de Vinih Amorim.

O título do primeiro lançamento do trabalho expressa o que o artista espera daqui pra frente: evolução e reconhecimento.

“Acredito muito no meu trabalho e creio que estou perto de obter muitos resultados positivos como já estou tendo. O sonho de viver da música está mais vivo do que nunca”, afirma.

O álbum contém oito faixas e dois interlúdios, e será lançado entre o próximo dia 15 e 16 nas plataformas digitais, incluindo Spotify e Youtube. Também tem participação de Guilherme Crês, responsável pela produção e masterização de todo o trabalho. 

Amadurecimento

Slick utilizou o Boombap, Trap e R&B no álbum. “Explorei um lado mais musical, digo que foi o trabalho que mais evolui musicalmente”, explica.

Ele, Caio Cesar Jesus dos Santos, de 32 anos, já lançou singles e três EPs ao longo de sua carreira, sendo Poesia Abstrata (2014), Especial Fim de Ano Roberto Carlos feat Alfred Hitchcock (2018) e Teoria do Ciclo do Corote (2019).

Depois que adentrou o mundo do Rap, lá por 2010, se uniu com alguns grupos. Em 2012, entrou para os Maltrapilhos que para ele foi uma escola de hip hop. Ele também integrou o grupo 3DruaCrew e o Emfase/Vizaum. 

Somando toda essa experiência, o lançamento de Renascimento marca um artista mais maduro e profissional.

“O Slick daquele tempo ainda via a música como talvez vá dá certo. O que mudou de lá pra cá é que o Slick se profissionalizou mais como artista, amadureceu tanto nas suas letras e abriu a mente para expandir o seu negócio. Mas o que marcou mesmo foi o amadurecimento profissional”, explica. De inspiração para esse novo trabalho ele tem a família. 

Inspiração

“O álbum se chama Renascimento por causa da minha filha Desirée. Quando eu descobri que seria pai (em julho), ela me fez renascer na vida, como se eu tivesse nascendo uma nova versão do Caio assim como do Slick. Decidi gravar esse álbum porque eu senti que precisava compartilhar tudo que eu tava sentindo com o mundo e como fazer esse contato através da música e também o fato de deixar registrado na história através de canção esse meu momento. As composições falam sobre essa minha nova fase, sobre minha vida tanto antes de saber que ia ser pai como depois de saber também, e em quase todas tracks destaco linhas sobre minha filha e minha noiva pra mostrar que “família” vem em primeiro lugar”.

Imagem que estampa a faixa Voando Alto do álbum Renascimento é de Slick segurando a barriga de sua noiva. (Foto: Bruna Monalisa/Divulgação)

A filha de Slick com sua noiva Bruna Monalisa está para nascer em março do ano que vem. Essas duas pessoas tiveram um peso muito grande nesse próximo trabalho.

“Minha noiva  sempre esteve ao meu lado e me apoiou com o Rap, sempre acreditou no meu potencial. Ela me auxiliou até nas músicas na parte escrita. É uma grande mulher e tem me feito crescer muito como pessoa e artista. Basicamente ela faz parte desse trabalho”, destaca. 

A faixa Voando Alto já está disponível nas plataformas digitais. 

Mais sobre Slick

Slick MC ouvia Rap e em 2011 começou a “colar” em eventos, o que o fez conhecer pessoas do movimento. Em 2012 começou a carreira musical ao integrar os grupos Maltrapilhos, 3DruaCrew e Emfase/Vizaum.

Além dos EPs solo, organizou batalhas de MCs como a Batalha do Quebra Mar que acontecia por volta de 2012. Já apresentou a Batalha da ZN, a Batalha da Conselheiro, assim como vários shows e eventos, pois é Mestre de Cerimônia.

Atualmente, Slick MC é organizador do Slam dos Andradas, evento de poesia que acontece todo último sábado do mês, às 19h, na Praça dos Andradas, em Santos.  

Comentários

Comentários