Resenha – Pray For a Lie – Exterminate

Não é novidade para ninguém que o Rio Grande do Sul é um ótimo celeiro de bandas extremas. Krisiun, Rebaelliun e Burn The Mankind são apenas algumas das hordas que vieram de lá. E a máquina não para. De Porto Alegre vem o ótimo Exterminate, que agora em 2019 está atirando ao mundo Pray For a Lie, seu segundo álbum, sucessor de Burn Illusion (2015).

Formam a banda Marcelo Feijo no baixo, Sandro Moreira , Adriano Martini (guitarra e voz) e Rafael Lavandoski (guitarra), todos com passagem pelo Mental Horror, outro grande nome do RS.

Quem está familiarizado com o metal extremo nacional sabe que o “nosso” jeito de praticá-lo é recheado de peculiaridades, do tipo que você ouve e desconfia que a banda seja brasileira. Pois Pray For a Lie está carregado de tudo que o death metal brazuca tem a oferecer, desde a bela capa, passando pelos títulos das músicas e, claro, do som.

Produção orgânica, vocais guturais, riffs e solos perfeitos e bateria de moer pescoços (Moreira bate que é uma barbaridade). Tudo embalado em números que abusam de agressividade, velocidade e peso, como convém a uma banda que pratica o mais puro death metal.

Destaque para as faixas Blind Faith, I See Inside Your Soul, Religious Zombies e…..ah, todas! Deathbangers, olho vivo no Exterminate!

Pray For a Lie
Ano de Lançamento
: 2019
Gravadora: Mutilation

Faixas:
1-The Call
2-Image of a Dead God
3-Blind Faith
4-Pray For a Lie
5-I See Inside Your Soul
6-Religious Zombies
7-Fallen Beyound The Hands of God
8-War
9-Chaos
10-The First



Comentários

Comentários