Falando Série #83 – Trailer Park Boys, uma animação sem filtro + novidades de abril

A série canadense Trailer Park Boys, disponível na Netflix, ganhou uma versão animada e ainda mais politicamente incorreta. Curtinha, com apenas dez episódios de 25 minutos em média, a produção diverte, mas não tem o menor pudor na hora de entrar em assuntos delicados. Sexo, drogas, rock and roll e muitas ofensas compõem o cardápio.

No primeiro episódio, os protagonistas Ricky, Julian, Bubbles, Jim e Randy explicam como viraram desenho animado: após a saída da prisão e totalmente chapados, eles entendem que virar um personagem desenhado faz parte do barato da droga consumida por eles.

Entre maconha espacial e haxixe à moda antiga, eles precisam enfrentar vilões bizarros como mosquitos ferozes, um ordenhador de sêmen, além de um verme alucinado por peperoni.

No segundo episódio, após comer uma pizza, o verme invade o corpo de Rick e começa a devorar todo o peperoni da refeição. Não satisfeito, o tal parasita ainda tenta roubar o baseado do protagonista. Então, as coisas saem do controle e começa uma briga entre os dois para garantir que nada seja levado. Sim, bizarro, porém, divertido. Maratone!

Novidades de abril

Samantha!
Samantha (Emanuelle Araújo) tenta deixar para trás suas excentricidades infantis para se tornar uma mãe melhor e atriz bem-sucedida. Mas se depender da sogra e dos ex-colegas da banda, isso não será uma tarefa fácil. A segunda temporada da série original nacional da Netflix estreia no dia 19. Logo no primeiro episódio, o público é surpreendido por uma série de participações especiais.

The Tick
Nesta segunda temporada, Tick e Arthur libertaram a Cidade d’O Terror, agora eles devem protegê-la de novos vilões e velhos inimigos. Isso se eles conseguirem convencer AEGIS que eles merecem este trabalho. Com a cidade “segura o suficiente”, podem ter problemas. Estreou na Amazon.

O Mundo Sombrio de Sabrina
Neste novo e arrepiante capítulo, a platinada Sabrina mergulha cada vez mais fundo no obscuro e perigoso mundo da feitiçaria adolescente. Para quem acompanhou a primeira parte da série, sabe que tem muitos pontos a serem explorados. A tendência é que alguns se desenvolvam agora. Outras partes já foram confirmadas. Estreou na semana passada.

Black Summer
Ambientada no universo Z Nation, a série acompanha os desafios de uma equipe de elite altamente treinada tentando sobreviver ao apocalipse zumbi. É uma boa pedida para quem já está com saudades de The Walking Dead, que encerrou a nona temporada no último domingo. Chega ao Netflix no próximo dia 11. Não deixe de maratonar.

Absentia
Protagonizada por Stana Katic (Castle), a aclamada série de suspense retornou ao canal AXN, na última segunda, com a continuação da história de Emily Byrne, ex-agente do FBI, que agora precisa lidar com as consequências de ser uma sobrevivente após anos de tortura física.

Marvel – Manto & Adaga
Anos após a explosão de uma plataforma de petróleo, uma jovem criminosa e um estudante unem seus superpoderes para combater o caos social. Após uma série de baixas, a Netflix volta a apostar em uma produção Marvel. Está disponível desde a última segunda-feira.

Game of Thrones
Chegou a hora da verdade! Quem vai ficar com o trono de ferro? Quem sobreviverá? Os White Walkers vão dominar o mundo? Todas essas perguntas serão respondidas a partir do próximo dia 14, na HBO, com a última temporada da incrível Game of Thrones.

Bosch
Quinze meses após levar o assassino de sua mãe à justiça, Bosch se encontra buscando a verdade em dois caminhos diferentes. Novas evidências em um caso antigo deixam todos se questionando: será que Bosch passou do limite? A quinta temporada estreia dia 19, na Amazon Prime Video.

Amizade Dolorida
Recém-saído do armário, Pete reencontra uma ex-colega de escola de forma inesperada: Tiff é agora uma famosa dominatrix de Nova York. A primeira temporada dessa comédia dramática da Netflix estreia no dia 24. Será uma pedida daquelas para maratonar no fim de semana. Alguém duvida?

Documental
Dez comediantes pagam um milhão de ienes japoneses para ficarem trancados numa sala por seis horas – sem poder rir; Quem rir primeiro é expulso. O desafio é fazer com que os colegas riam sem que eles mesmos caiam na risada. O último no local sem rir ganha o prêmio de 10 milhões de ienes. Estreou na Amazon.

Comentários

Comentários