Pop Punk Academy - Lupa Charleaux

New Found Glory e a série inspirada em trilhas sonoras “From the Screen to Your Stereo”

Todos nós temos uma música que faz parte de uma trilha sonora de um filme favorito. Eu, por exemplo, tenho muitas que gostaria de ver em uma versão mais pop punk. O New Found Glory também tem suas canções preferidas; e desde 2000 eles fazem homenagem aos longas metragens com a série From the Screen to You Stereo.

Nesta quarta-feira (20), o quarteto divulgou a primeira prévia da sua terceira homenagem à sétima arte em forma de música. Power of Love, originalmente cantada por Huey Lewis and the News, ganhou uma roupagem mais atualizada e um clipe inspirado na trilogia De Volta para o Futuro (1985-1990). Ela estará no EP que será lançado no dia 3 de maio.

Como surgiu a série From the Screen to Your Stereo?

Essa brincadeira começou no fim dos anos 90, quando o New Found Glory gravou um EP apenas com versões de músicas originais de trilhas sonoras de filmes. Em março de 2000, From the Screen to Your Stereo foi lançado pela Drive-Thru Records em vinil 10” de diferentes cores. Mas o material não se destacava apenas por isso.

Com sete faixas, o EP prestava tributo a grandes filmes como The Wonders – O Sonho Não Acabou (1996), Titanic (1997), Os Goonies (1985) e A História Sem Fim (1984). Se eles fossem brasileiros, daria até para dizer que eles se inspiraram nos clássicos da Sessão da Tarde para escolher as faixas que se transformaram em punk rock melódico.

Um dos maiores destaques do EP é a versão de I Don’t Want to Miss a Thing, aquela histórica balada do Aerosmith feita para o longa Armageddon (1998). E quem é dos anos 80, com certeza também sente uma nostalgia boa ao ouvir The Glory of Love, canção de Peter Cetera para o incrível Karate Kid II (1986); só que em uma versão bem mais enérgica.

From the Screen to Your Stereo Part II

Assim como acontece com grandes produções cinematográficas, o sucesso de From the Screen to Your Stereo pedia por uma continuação. E o New Found Glory fez a segunda parte desta divertida homenagem e o lançou em setembro de 2007. Desta vez não foi apenas um EP, mas um disco completo com 11 faixas e cheio de participações especiais, como Patrick Stump (Fall Out Boy) e Chris Carrabba (Dashboard Confessional).

O material tinha uma mistura de clássicos modernos da época e canções de filmes do anos 80. Por exemplo, as novidades eram Head Over Heels do Tears for Fears, parte da trilha de Donnie Darko (2001), e The Promise do When in Rome, emprestado de Napoleon Dynamite (2004). E as “raridades” eram faixas como King of Wishful Thinking do Go West, presente em Uma Linda Mulher (1990), e Don’t You (Forget About Me) do Simple Minds, e sempre lembrado por O Clube dos Cinco (1985).

Todas as músicas se destacam por serem versões pop punk e joviais. No entanto, duas músicas tiveram muito sucesso na época do lançamento. A primeira foi Kiss Me, hit do Sixpence None the Richer que conquistou o público por estar na trilha da comédia romântica Ela É Demais (1999). Outra faixa que chamou muita atenção foi a versão de Iris, a linda balada do Goo Goo Dolls para Cidade dos Anjos (1998).

O que esperar de From the Screen to Your Stereo Part III?

Poucas coisas foram reveladas sobre as “homenagens” que veremos em From the Screen To Your Stereo Part III. Porém, no teaser lançado pela banda foi possível ver trechos do New Found Glory recriando cenas de filmes como Rocky, Shrek e Frozen. E como ficou claro, a banda promete “encerrar a maior trilogia já feita”.

Retomando, From the Screen to Your Stereo Part III chega às plataformas de streaming no dia 3 de maio. E acredito que até lá, seremos agraciados com mais vídeos e covers incríveis inspiradas em trilhas sonoras de filmes!

Comentários

Comentários